"ENTRE NÓS E AS PALAVRAS, O NOSSO DEVER DE FALAR" Mário Cesariny, in:Pena Capital
Quarta-feira, 5 de Março de 2008
PREÇO DO PETRÓLEO
Expliquem-me uma coisa difícil de entender:   

- Se em 2002 um barril de petróleo custava 70 dólares , o que equivalia, grosso modo, a 77 Euros, e hoje ele custa 100 dólares - o que equivale, sensivelmente, a 70 Euros - como é que se pode dizer que o petróleo está mais caro?

 

Quem souber a resposta, agradeço que me elucide. 


tags:

publicado por lamire às 10:54
link do artigo | comentar | favorito
|

28 comentários:
De RUIM a 5 de Março de 2008 às 11:00
o petróleo está mais caro porque o dólar está mais barato, e como as transações são feitas em dólares...


De Ansião a 5 de Março de 2008 às 11:06
Repita, repita, que não percebi.
Cá em casa a coisa não é assim. É pago em dólares, mas os dólares são comprados em euros. E o euro, neste momento vale mais que 1 dólar e meio, ou seja, 100dólares não chega a 70 euros. Percebido, ou sou eu que não entendo esta gingajoga da economia?


De n cordeiro a 6 de Março de 2008 às 17:24
Esse racíocinio está um pouco invertido....
Fazia sentido, com $>€


De RUIM a 6 de Março de 2008 às 17:26
foi isso q ouvi na tv.... a não ser q o q esteja mais caro seja a chapa com que se fazem os barris


De n cordeiro a 6 de Março de 2008 às 21:39
é capaz d ser a chapa meu carinha de cu!

os americanos, k nem estao em crise nem nda, desvalorizam o dollar para comprar [menos] petroleo!


De RUIM a 6 de Março de 2008 às 22:49
antes cara de cú que cérebro de merda ó parvalhão, se não sabes distinguir uma piada, por péssima que seja, a culpa não é minha, tás a perceber borreguinho?


De n cordeiro a 7 de Março de 2008 às 16:58
coitado d ti...
a tua estupidez: fazes tanta fé no teu raciocinio do dollar vs euro (segundo tu, aí reside a explicação do preço do petroleo) (burro!!) que no seguimento de uma critica ao teu raciocinio fazes uma piada, com sentido depreciativo da critica que te foi feita - sobreelevando a tua tese! (dollar vs euro). quando a minha critica, tanto a 1a cmo a 2a sao à tua tese, compreendendo tua "grande" piada...
Mas faço questão de te abrir as "orelhas":

O que um alentejano ouve na televisão e o que ele percebe:

Provavelmente na tv fizeram uma conexão entre a desvalorização do dollar e o preço do petroleo. Essa ligação, consiste no seguinte:
Perante a desvalorização do dollar, portanto perante a desvalorização de uma reserva financeira, os investidores têm se virado para as matérias-primas, o que tem provocado a sua grande valorização!
O que um burro alentejano ouve:
- o dollar desvaloriza e portanto sobe o preço do petróleo. O que ele conclui: a culpa é do preço do euro que é alto!

Enfim... Neste novo milénio, a internet tem feito a diferença: qualquer opinião, qualquer expressão de acefalia dá em blog ou em comentários acessíveis ao grande público.

Aproveita e tua localização geográfica e vai pastar gado... cabras talvez...



De RUIM a 7 de Março de 2008 às 17:43
Vou pastar as minhas cabras quando acabar de foder a tua mãe - percebeste ou queres um desenho?
Se quiseres também terei todo o gosto em explicar-te cara a cara a minha opinião sobre o facto de seres um atrasado mental com a mania que é sabichão.
Já agora, dólar não se escreve "dollar".


De n cordeiro a 8 de Março de 2008 às 19:16
peço desculpa se porventura escrevi DÓLAR no termo original DOLLAR. O que só revela a minha sabedoria!!! ha ha
aproveito também, uma vez que estamos a tratar de neologismos para lhe dar os parabéns pelo seu profundo conhecimento do Português Brasileiro - TRANSAÇÕES vs TRANSACÇÕES ou será que se tratou de uma abreviatura?? humm...

Atirando pedras quando se tem telhados de vidro... (também no que se refere à figura maternal!!)
cumprimentos à família!


De RUIM a 9 de Março de 2008 às 11:33
temos que nos ir habituando, já que o acordo ortográfico vai ser uma realidade.
já agora aplaudo o uso do verbo atirar no gerúndio...será alguma costela alentejana? se calhar de alguma das minhas cabras (bitches, no original inglês), onde muito provavelmente se inclui a tua progenitora.


De lamire a 8 de Março de 2008 às 20:19
Esta página não é o caixote do lixo da sua mente. Pode estar chateado mas a gente não tem culpa. O facto de deixar o seu comentário é somente porque prezo a liberdade. No entanto, com responsabilidade. Não me parece que esta seja a melhor forma de debater um assunto.
Apesar de tudo, 1 abraço.


De RUIM a 9 de Março de 2008 às 11:46
Nunca me passou usar este blog como caixote do lxo de coisa alguma, quanto mais da minha mente - para isso uso o meu, o qual também é um espaço livre, onde todos podem deixar comentários e onde, se quiser dar-se a esse trabalho pode confirmar, nunca insultei ninguém por ter comentado algo.
Apenas dei a minha opinião (certa ou errada) sobre um assunto, a qual mereceu insultos por parte de um tal cordeiro. Como não tenho espírito de samaritano, e como tal a história de dar a outra face comigo não pega, limitei-me a responder ao insulto inicial. Mas por mim o assunto está encerrado, se esse tal cordeiro estava no fim da fila quando distribuiram o fair-play, a culpa também não é minha. Bom fim de semana.


De lamire a 9 de Março de 2008 às 12:02
Muito bem, Sr. Ruim. Espero que passemos ao assunto essencial. O petróleo está ou não demasiado caro, face ao preço em dólares?


De RUIM a 9 de Março de 2008 às 12:37
o petróleo não está mais caro do que estava há anos atrás, apesar de custar mais (em dólares), porque o euro se valorizou, e muito, face ao dólar. os produtos acabados, ie, refinados, gasolina e gasóleo não baixam de preço (pelo menos cá) porque, se bem me lembro, nestes 3 anos o isp aumentou 7,5 cêntimos, a que acresce o iva, o que leva a um aumento do preço dos produtos na bomba. a valorização do euro face ao dólar é, or isso mesmo, "comida" pelo estado quando aumenta o isp - basta ver o exemplo espanhol, onde o preço dos combustiveis se tem mantido.
acontece também que os principais produtores de petróleo têm as suas economias indexadas ao dólar, e para não perderam dinheiro deitam mão a todas as hipótes para manterem os níveis de produção , jogando com a escassez face á procura para manterem o preço da matéria prima nivelado.
mas, no final, julgo que se pode dizer que o petróleo não está mais caro, a gasolina e o gasóleo sim, mas pelas razões que apontei atrás - que serão mais e mais complexas.


De N Cordeiro a 6 de Março de 2008 às 17:22
Simples!
O "core" do problema está na liberalização!
Se bem se lembram, ocorrida em 2004, mas "construída" anteriormente, por Durão Barroso!
Complicado, hein? ;-)



De Ex militar a 6 de Março de 2008 às 21:59
Na liberalização? Acha que as empresas petrolíferas são liberais a atribuíem o preço dos combustíveis? Quer dizer que nós acreditamos que os preços não são concertados entre as empresas e o Estado? Anda tudo a comer á nossa custa.
A verdade é só uma. O Dólar vale muito menos que o Euro, e por isso é que um barril custa mais. No fundo o preço é quase o mesmo que em 2002, os lucros da Galp e companhia e do Estado é que são muito diferentes, e a nossa bolsa é que está mais vazia.


De n cordeiro a 7 de Março de 2008 às 17:05
tem razão.... e há uma conspiração maçónica para fazer caír a república!!!
meu amigo.... o que determina o preço de um bem, não é apenas o seu custo de produção, é o dinheiro que os consumidores estão dispostos a dar por ele...meu amigo, diga-me uma coisa: que diferença lhe faz que o barril custe 100$ ou 97$? o dinheiro que você está disposto a dar para atestar o seu veículo não desce! pelo contrário, aumenta! a necessidade o determina!
Acontece que as gasolineiras, como entidades privadas que são, com fundamentos capitais, exploram essa sua vontade...exploram o valor máximo que você (e todos nós) estamos dispostos a dar pela gasolina... E sim, fazem-no concertadamente.
Aqui entra a liberalização. As empresas não têm que dar explicações a ninguém sobre os preços que praticam!


De Ex Militar a 7 de Março de 2008 às 17:21
Não têm? Ai isso é que têm! O combustível não é um luxo que só tem quem pode. O Combustível é um bem necessário e que faz parte da nossa civilização, enquanto não houver vontade de nos darem outra alternativa energética. E vamos resumir. Isto é tão simples como assim: Um barril de petróleo custa na América 100 dólares. Para nós custa 68 euros. Por isso, o preço é mais barato que em 2002, quando o dólar estava quase ao preço do Euro. Sr. Cordeiro, já compreendeu?


De n cordeiro a 8 de Março de 2008 às 19:27
Meu amigo, eu compreendi desde o principio a sua questão. Mas volto a reafirmar...em 2002 o Estado (entidade que se preocupa com o bem público) fixava e controlava o preço da gasolina. Hoje, são as empresas (cujo único interesse é o capital), que mais ou menos concertadamente, fixam o preço do combustível... da mesma forma que a OPEP, cujo único interesse é capital, o fixa primariamente... da mesma forma, que os investidores, cujo único interesse é capital, fazem os seus investimentos, valorizando o petróleo... Mais lhe digo, o mecanismo que o Sr. refere funciona subvertido... se por acaso o € estivesse mais barato que o dollar o preço da gasolina subiria a um diferencial ainda maior.
Se vir bem, não é só no petróleo... Explique-me porque é que a inflação está a subir? Não seria de supor, que com as importações mais baratas, e a dificuldade em exportar, que a inflação baixasse?
Num raciocinio primário seria de supor que sim...mas a verdade, é que a realidade é bem mais complexa...
Essa do petróleo fazer parte da humanidade...não é bem assim, o petróleo é apenas mais um bem, sobre o qual têm todos os direitos quem o produz e quem o possui... da mesma forma, que nós, países desenvolvidos explorámos os sub-desenvolvidos, através do colonialismo e mais recentemente através do preço das manufacturas, é a ez de eles no explorarem a nós... estão no seu direito!


De Olhadela a 11 de Março de 2008 às 15:42
Sr N Cordeiro, faz uma grande confusão entre inflacção e um caso concreto, que é o petróleo, como poderia ser o trigo ou laranjas. O que impoprta aqui é a base de pagamento. Na inflacção lidamos com um mundo económico que é a nossa dependência quase total da CEE, onde o Euro é moeda. Não é por acaso que Inglaterra não optou pelo Euro.
Este assunto do preço do petróleo é sério, mas ninguém o quer admitir. E porquê? Porque quem mama da vaca é também o Estado e quanto mais baixo estiver o preço do litro do combustível menor será o imposto colectado. Por isso, agarremos a ideia concreta e defendamos aquele que paga, que somos nós. Mas, conscientes de que estamos a ser enganados. A mim não me comem por burro.


De n cordeiro a 11 de Março de 2008 às 16:13
óbvio. o Estado ganha, dependendo da geometria da procura do bem, em geral, sempre que o preço dos bens sobe...existe o IVA que é um imposto proporcional e não progressivo.
Não faço confusão entre inflação e qualquer outra coisa! Eu não afirmei explicitamente que o preço do petróleo está a aumentar a inflação, embora esteja a contribuir bastante! O que disse, é que economicamente nem tudo é tão óbvio como às vezes parece.
E volto a reafirmar: não percebo o escândalo gerado pela subida do combustível.... É um bem comercializado por privados. Porque não discutir o aumento do preço das esferográficas de cor azul de uma determinada marca??? O Estado também ganha com a sua comercialização! Ou será que são as gasolineiras que não usufruem do direito de lucrar com a sua actividade?? Se calhar é essa a questão! Mas para ser discutida correctamente, teremos que discutir politica e regimes democráticos! Não se pode ser inconsequente, e ignorante ao ponto de defender um controle absoluto do estado, de forma a acabar com a economia de mercado, e votar na direita democrática! A verdadeira discussão e questão é esta!


De Samurai a 19 de Março de 2008 às 19:00
Já percebi!!! À conta do petrólleo masturbam-se os paneleiros frustrados com discussões na internet. É melhor verem novelas .


De exmilitar a 22 de Março de 2008 às 12:32
Ao Samurai:
frustados são aqueles que usam a net para escrever (incognitamente) aquilo que não são capazes de dizer à mãezinha....


De ex militar a 22 de Março de 2008 às 12:37
Ao n Cordeiro:
Continuamos com raciocínios díspares. O problema das esferográficas é diferente. Se elas estiverem caras eu posso optar por outra marca, ou posso escrever com lápis, ou aqui. No caso do petróleo, dos combustíveis, é um bem essencial e o problema é a concertação de preços entre petrolíferas e entre petrolíferas e o Estado. porque, o preço do Petróleo também é caro para Espanha. E qual é a diferença do combustível entre Espanha e Portugal? tomáramos nós que isto fosse uma relação entre oferta e procura!


De S Raul a 8 de Abril de 2008 às 09:40
De que preços estão a falar? em 2002 o preço do petróleo era 25$ e em 2004 chegou a estar a 36$. Onde foram buscar a informação de que em 2002 estava a 77$ ??? Que preço de referência estão a usar?


De ansiao a 8 de Abril de 2008 às 10:47
Seja qual seja o preço, o probelma que temos aqui é a confusão entre dólar e euro, que se joga conforme interessa. Porque, a mim, o que me interessa é o preço do gasóleo ali na bomba que está quase ao preço da gasolina, sem uma justificação plausível, a não ser a sobrecarga de impostos. Ou seja, eu não quero é ser levado. Porque, no fim de contas o que temos mesmo de ter em conta é a relação entre o preço das referidas moedas.


De alvaro pinho a 19 de Junho de 2008 às 17:59
eu vivi 40 anos en venezuela,e aos meus 74 anos,já
sei mais de preços de petrolio que,que de outra coisa
nem que o preço chegue aos 1.000 dolares sempre estaran eles na miseria,vejemos angola e outros paises,como não medran,e nos sem petrolio temos malhor vida que os reis do ditoso ouro negro.


Comentar post

Sempre em roda
Molhobico
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


pesquisar
 
Molha o bico aqui:
links
artigos recentes

A GRANDE MINA DA EDP

Os Moralistas

Tomada de Posse do Presid...

12 de Março de 2011 - Um ...

Portal do cidadão! Inacre...

Estudo do Economista Álva...

O Diário do Professor Arn...

Casa de férias do Sr. Sil...

Alguém se Candidata a ser...

Reformas na Suíça com tec...

A mania saloia dos diplom...

Cavaco ganhou €147 mil co...

TC critica despesa injust...

Vamos pôr a EDP na Linha!...

Cum carago!

A EDP e os PRÉMIOS!

Os nossos maiores emprega...

O desperdício de Lisboa

Bem Prega "Frei Tomás"!.....

Viva a Maria !!!

4 Vergonhas

CHULICE

"Manso é a tua tia, pá!"

Prestação Familiar?? Vão ...

Mulher com "Tomates"

arquivos

Julho 2011

Junho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Setembro 2002

Novembro 2001

Setembro 2001

Março 2001

Dezembro 2000

Setembro 2000

Junho 2000

Fevereiro 2000

Dezembro 1999

Outubro 1999

Agosto 1998

Abril 1998

Março 1998

Fevereiro 1998

Outubro 1997

Julho 1997

Junho 1997

Maio 1997

Abril 1997

Janeiro 1997

Junho 1996

tags

todas as tags

o nosso email
molhobicopower@sapo.pt
mais comentados
subscrever feeds