"ENTRE NÓS E AS PALAVRAS, O NOSSO DEVER DE FALAR" Mário Cesariny, in:Pena Capital
Terça-feira, 15 de Abril de 1997
FUTEBOL II
Gosto de ouvir o programa que tem à meia noite (como de todos os programas da TSF em que podemos participar). Gostaria de participar, mas desde o dia em que num Forum paguei cerca de 4 contos de telefone, tenho-me limitado a ouvir.
       O tema de ontem era para mim aliciante - o fazer amigos, talvez por uma questão de formação, mas também pelo facto de ultimamente, quando se fala em futebol é para anunciar castigos, ou porque é que não se castiga, etc, etc.
Quanto ao tema de ontem  eu lanço uma pergunta:
Porque é que, antes de um jogo de futebol as equipas nunca confraternizam, por exemplo, almoçando juntas? Será o futebol um espectáculo, ou um duelo de morte?
Não deveriam os jogadores entrar em campo bem dispostos, dando ao espectáculo um ambiente alegre? Já reparou que os futebolistas não riem?
Há dias num jogo da selecção, o comentador da RTP dizia que os jogadores estavam a proporcionar um mau espectáculo, fazendo desta forma uma crítica tendenciosa, isto é, estando a desacreditar um programa no qual ele estava inserido. Será correcto um comentador fazer uma análise dessas? Então os espectadores não têm o direito de pensar positivo? Onde é que já se viu um programa de TV em que os realizadores do mesmo estejam a dizer mal dele?
Lembrei-me hoje de transmitir alguns tópicos daquilo que eu penso que deveria ser corrigido nas leis do futebol, e que se alguma vez tiver oportunidade gostaria de ver discutido.
I -Campos interditos:
                Os campos nunca deveriam ser interditos:
n     Os campos não têm culpa do mal que os espectadores fazem,
n     Não fica claro que quem provoca desacatos seja apoiante dessa equipa. Poderá bem ser uma manobra orquestrada precisamente tendo em vista um jogo no futuro próximo, ou até daqueles que querem que essa equipa não faça pontos.
n     Os grande prejudicados ,são os espectadores, que deixam de poder assistir ao espectáculo ( quebrando assim a rotina em que estão inseridos), somos todos nós, pois deixa de haver uma receita  de bilheteira, a qual gera impostos (IVA), criando, também maiores dificuldades financeiras aos clubes, que, como todos sabemos, têm as sua dificuldades..
n     Creio que nenhum juiz deveria ter o direito de interditar um campo, pelos prejuízos que causa, não ao clube, mas ao País.
n     O maior castigo neste caso, deveria ser o aumento dos bilhetes, numa percentagem a combinar (p. ex. 20%), no jogo que fosse combinado, e esse aumento não revertesse para o clube, mas, p. ex. para causas sociais.
II -Saídas temporárias ( em maca, p. ex) por ser aleijado por jogador da outra equipa.
·       O jogador que provocou o acidente ( intencional ou não) deveria sair do campo e estar fora enquanto o acidentado não entrasse. Caso contrário está-se a beneficiar o infractor.
·       No caso do acidentado ficar impossibilitado de entrar e ser substituído, também o jogador provocador do acidente deveria ser substituído.
III - Interdições de jogo por cartões amarelos:
·       Também neste caso só se está a prejudicar o espectáculo e, muitas vezes a beneficiar o infractor, que fica em descanso sem trabalhar. O maior castigo para isso seria uma multa pecuniária dividida pelo jogador e pela equipa.
É preciso ter em conta que o futebol é um espectáculo pago. Os espectadores têm o direito de ser contemplados com o melhor. É o mesmo que uma peça de teatro, p. ex.
Haveria mais para dizer, mas o tempo é pouco.Com os meus cumprimentos,


publicado por lamire às 01:26
link do artigo | comentar | favorito
|

Sempre em roda
Molhobico
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


pesquisar
 
Molha o bico aqui:
links
artigos recentes

A GRANDE MINA DA EDP

Os Moralistas

Tomada de Posse do Presid...

12 de Março de 2011 - Um ...

Portal do cidadão! Inacre...

Estudo do Economista Álva...

O Diário do Professor Arn...

Casa de férias do Sr. Sil...

Alguém se Candidata a ser...

Reformas na Suíça com tec...

A mania saloia dos diplom...

Cavaco ganhou €147 mil co...

TC critica despesa injust...

Vamos pôr a EDP na Linha!...

Cum carago!

A EDP e os PRÉMIOS!

Os nossos maiores emprega...

O desperdício de Lisboa

Bem Prega "Frei Tomás"!.....

Viva a Maria !!!

4 Vergonhas

CHULICE

"Manso é a tua tia, pá!"

Prestação Familiar?? Vão ...

Mulher com "Tomates"

arquivos

Julho 2011

Junho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Setembro 2002

Novembro 2001

Setembro 2001

Março 2001

Dezembro 2000

Setembro 2000

Junho 2000

Fevereiro 2000

Dezembro 1999

Outubro 1999

Agosto 1998

Abril 1998

Março 1998

Fevereiro 1998

Outubro 1997

Julho 1997

Junho 1997

Maio 1997

Abril 1997

Janeiro 1997

Junho 1996

tags

todas as tags

o nosso email
molhobicopower@sapo.pt
mais comentados
subscrever feeds