"ENTRE NÓS E AS PALAVRAS, O NOSSO DEVER DE FALAR" Mário Cesariny, in:Pena Capital
Sexta-feira, 6 de Abril de 2007
Os diplomas discretos

in:

Do Portugal Profundo

 

Uma nova pista que confirma, outra vez, a tese dos diplomas discretos da UnI, um comentador da nossa caixa que assina como "Leitor", diz que a Universidade Independente "começou a funcionar em 1993-1994, ainda sem a autorização do Ministério" - é uma informação que não podemos confirmar.

O que podemos verificar é o que vem na apresentação da própria página da UnI na internet: "A Universidade Independente foi criada em 1993 pela SIDES – Sociedade Independente para o Desenvolvimento do Ensino Superior, S.A." (sítio acedido às 11:20 de 6-4-2007), embora só fosse "reconhecida como de interesse público" pelo Decreto-Lei n.º 310/94 de 21 de Dezembro de 1994. Segundo a tabela 10 da pág. 25 do o Relatório de Avaliação Externa da licenciatura em Engenharia Civil da UnI de Julho de 2003 (do Conselho de Avaliação do Ensino Superior Universitário), dos 7 alunos que tinham terminado em 1997/98, dois deles demoraram 6 anos a terminar o curso e outros cinco apenas 5. Portanto, mais uma vez se confirma, que os dados da Universidade Independente, que esta terá escrito no quadro 11 do Relatório de Auto-Avaliação do curso de Engenharia Civil (não disponível em linha), obrigatoriamente depositado no Conselho de Avaliação do Ensino Superior Universitário, e revelado no dito Relatório de Avaliação Externa do curso expressava os registos existentes da Universidade Independente.

O mesmo se pode concluir dos dados coincidentes que enviou para o Ministério e consta do Relatório "Diplomados (1993-2002)" da Direcção de Serviço de Estatísticas e Indicadores do Observatório da Ciência e do Ensino Superior (OCES) do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, datado de Julho de 2004 expressavam esse mesmos registos internos. O Relatório de Auto-Avaliação, elaborado pela própria instituição, é um trabalho minucioso, extenso e completo, baseado nos registos originais internos - e eu sei do que se trata porque, com outros colegas, já fiz um.

Veja-se ainda o que diz o Público de hoje, 6-4-2007, sobre este assunto. E ainda a peça "Reitor Luís Arouca omitiu documentos do dossier da licenciatura de Sócrates" desta mesma edição de 6-4-2007 do jornal.

Aliás, o ministro Mariano Gago quando mandou ontem, 5-4-2007, num comunicado público, à Inspecção-Geral do seu Ministério que "procedesse ao esclarecimento cabal dos procedimentos (...) de apuramento e comunicação da informação estatística" está implicitamente a reconhecer que a primeira explicação do seu Gabinete não era válida.

Outra pista, ainda mais preocupante, àcerca dos cursos discretos da UnI apresentada hoje, 6-4-2007, de manhã, na caixa de comentários Do Portugal Profundo pelo comentador Manuel Arruda: a aparente confirmação documental pela própria UnI (acedido às 11:32 de 6-4-2007 - peço aos leitores que imprimam este documento, como outros que aqui linco, porque se trata de mais uma prova) de que o curso de Engenharia Civil em 1997/98 ainda só tinha chegado ao 4.º ano (o curso tinha cinco anos). Exploremos essa pista. Na verdade, a Portaria n.º 496/95 de 24 de Maio, publicada no Diário da República n.º 120/95, I Série-B, de 24 de Maio de 1995 de criação da licenciatura em Engenharia Civil da UnI, no seu artigo 5.º, tinha autorizado o funcionamento do curso desde 1994/95 com um numerus clausus de 150 alunos.

Como se pode perceber do documento da UnI "Engenharia Civil - Corpo Docente - 1997/98" os cursos discretos da UnI desaparecem em 1997/98 e já são assumidos todos os anos leccionados pela Universidade Independente. Neste ano já há um 5.º ano de Engenharia Civil a funcionar.

Saliento que o nosso comentador Irnério fornece um link (acedido em 6-4-2007, pelas 12:24 - que o sistema não conseguirá apagar) com o historial internético das páginas da Universidade Independente que constitui um forte manancial de pistas para os cidadãos empenhados e os investigadores: http://web.archive.org/web/*/http://www.uni.pt.

Temos de desmontar a farsa e forçar os media à publicação da verdade. Dos jornais, o Dossier tem sido muito censurado; nas rádios e TVs idem. Por exemplo, a SIC que parecia ter emendado a mão ontem(dia 5-4-2007) à noite, depois da triste peça de Ricardo Eu-Sou-Controlado Costa, volta hoje com uma versão governamentalizada ainda mais dura e vergonhosa no jornal das 13 Horas, ignorando a contestação do Público e a admissão do próprio comunicado do ministro Mariano Gago.

Vamos pôr os cidadãos a trabalhar pela comunidade: lendo, procurando, publicando e difundindo informação, através da Internet (blogues e forum), e-mail e SMS para as listas de distribuição de cada um. A verdade não pode ser adiada.


Limitação de responsabilidade (disclaimer): José Sócrates Carvalho Pinto de Sousa não é arguido ou suspeito no seu percurso académico do cometimento de qualquer ilegalidade ou irregularidade, nem, por isso, a Universidade Independente ou os seus dirigentes, docentes ou alunos.

 

Do Portugal Profundo


publicado por lamire às 14:30
link do artigo | comentar | favorito
|

Sempre em roda
Molhobico
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


pesquisar
 
Molha o bico aqui:
links
artigos recentes

A GRANDE MINA DA EDP

Os Moralistas

Tomada de Posse do Presid...

12 de Março de 2011 - Um ...

Portal do cidadão! Inacre...

Estudo do Economista Álva...

O Diário do Professor Arn...

Casa de férias do Sr. Sil...

Alguém se Candidata a ser...

Reformas na Suíça com tec...

A mania saloia dos diplom...

Cavaco ganhou €147 mil co...

TC critica despesa injust...

Vamos pôr a EDP na Linha!...

Cum carago!

A EDP e os PRÉMIOS!

Os nossos maiores emprega...

O desperdício de Lisboa

Bem Prega "Frei Tomás"!.....

Viva a Maria !!!

4 Vergonhas

CHULICE

"Manso é a tua tia, pá!"

Prestação Familiar?? Vão ...

Mulher com "Tomates"

arquivos

Julho 2011

Junho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Setembro 2002

Novembro 2001

Setembro 2001

Março 2001

Dezembro 2000

Setembro 2000

Junho 2000

Fevereiro 2000

Dezembro 1999

Outubro 1999

Agosto 1998

Abril 1998

Março 1998

Fevereiro 1998

Outubro 1997

Julho 1997

Junho 1997

Maio 1997

Abril 1997

Janeiro 1997

Junho 1996

tags

todas as tags

o nosso email
molhobicopower@sapo.pt
mais comentados
subscrever feeds